segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Outra vida!

Talvez não seja nessa vida ainda,
mais você ainda vai ser a minha vida,
então agente vai fugir pro mar,
eu vou pedir pra namorar,
você vai me dizer que vai pensar,
mais no fim vai deixar.

Talvez não seja nessa vida ainda,
mais você ainda vai ser a minha vida,
sempre mais mentiras pra me ver,
sem amor antigo pra esquecer,
sem os teus amigos pra esconder,
pode crer que tudo vai dar certo.


Sou pescador, sonhador, vou dizer pra Deus nosso Senhor
Que tu és o amor da minha vida,
pois não da pra viver nessa vida morrendo de amor.

Talvez não seja nessa vida ainda,
mais você ainda vai ser a minha vida,
e uma abelhinha vai fazer o mel,
estrela dalva vai cruzar no céu,
o vento certo vai sobrar no mar,
pode crer que tudo vai dar certo.


Sou pescador, sonhador, vou dizer pra Deus nosso Senhor
Que tu és o amor da minha vida,
pois não da pra viver nessa vida morrendo de amor.


Sou pescador, sonhador, vou dizer pra Deus nosso Senhor
Que tu és o amor da minha vida,
pois não da pra viver nessa vida morrendo de amor.

Pode crer que tudo vai dar certo.

domingo, 30 de novembro de 2008

Batlle

Colbie Caillat - Battle


You thought we'd be fine
all these years gone by
now you're askin' me to listen
well then tell us 'bout everything
no lies we're losin' time

Cause this is a battle
and it's your final last call
it was a trial, you made a mistake, we know
but why arent you sorry, why arent you sorry, why?
this can be better, you should be happy, try!


You've got them on your side
and they wont change their minds
now its over
and I'm feelin like we've missed out on everything
I just hope its worth the fight

Cause this is a battle
and its your final last call
(why'd you have to let it go?)
it was a trial, you made a mistake, we know
(can't you see you've hurt me so?)
but why arent you sorry, why arent you sorry, why?
this can be better, you can be happy, try!


Cause this is a battle
and its your final last call
it was a trial, you made a mistake, we know
(can't you see you've hurt me so?)
but why arent you sorry, why arent you sorry, why?
this can be better, we can be happy, try!




And its your final last call
Cause this is a battle
And its your final last call...

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Meu apartamento

Minha nova casa...meu apê!






Minha cozinha!!!




Minha nova sala!





E por fim....meu quarto!!!





Mais um grande sonho realizado!!!
Estou muito feliz!

domingo, 26 de outubro de 2008

Crush!

Crazy how it feels tonight
Crazy how you make it all alright love
Crush me with the things you do
And I do for you anything too
Sitting smoking feeling high
In this moment it feels so right
Lovely lady
I am at your feet
God I want you so badly
I wonder this
Could tomorrow be
So wondrous as you there sleeping
Let's go drive 'till morning comes
Watch the sunrise to fill our souls up
Drink some wine 'till we get drunk
It's crazy I'm thinking
Just knowing that the world is round
And here I'm dancing on the ground
Am I right side up or upside down
And is this real or am I dreaming
Lovely lady
Let me drink you please
I won't spill a drop I promise you
Lying under this spell you cast on me
Each moment
The more I love you
Crush me
Come on
It's crazy I'm thinking
Just knowing that the world is round
Here I'm dancing on the ground
Am I right side up or upside down
Is it real or am I dreaming

Lovely lady
I will treat you sweetly
Adore you I mean you crush me
It's times like these
When my faith I feel
And I know how I love you
Come on
Come on
Baby
It's crazy I'm thinking
Just as long as you're around
And here I'll be dancing on the ground
Am I right side up or upside down
To each other we'll be facing
By love
By love we'll beat back the pain we've found
You know
I mean to tell you all the things I've been thinking deep inside
My friend
With each moment the more I love you
Crush me
Come on
Baby
So much you have given love
That I would give you back again and again
Meaning I'll hold you
But please please let me always....

Como é bom sonhar....

Como é bom sonhar...
Mas melhor ainda é realizar!

E tão bom quanto tudo isso...acreditem...
É esperar....


Me pareceu meio maluquice quando resolvi escrever sobre isso, pq eu ando numa ansiedade tão grande para que meu grande projeto do momento dê certo...
Ando tão nervosa, tão aflita...que me soou até meio ridículo pensar que estou curtindo essa fase...mas eu ESTOU!

Esta tarde estava sentada no chão da sala pra variar...
Não! Não no chão desta sala daqui....Mas daquela outra! Da sala nova...da sala que vejo em meus sonhos e que anseio fazer do meu jeito.
Sim, estava eu hj sentada nela olhando para aquelas paredes vazias, recém pintadas, para aqueles cômodos todos esperando pela vida que vou construir lá....que me vi feliz por estar passando por todo esse processo.


Sim, parece loucura. Ainda mais pra alguém tão ansiosa qto eu.
Mas naquele momento, me vi sonhando algo tão real, ao alcance de minhas mãos que tudo pareceu extremamente perfeito.

Esperar, ansiar, desejar....tudo isso faz parte.
Pq dos meus sonhos eu alcanço minhas conquistas. E dessas conquistas quero aproveitar tudo....todos os momentos, inclusive esses de infinita angústia.

Como coloquei na mão do PAI, sei que será como tem que ser. E sinto que será maravilhoso. E sinto também que um dia vou ser muito grata por ter crescido nesse momento e valorizado ainda mais essa vida incrivelmente MARAVILHOSA que eu tenho.


À casa nova, só resta esperar.
E dentre alguns dias descansar o coração e derramar o pranto de felicidade que estou guardando pro momento certo.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Novos Rumos


Comecei uma nova fase na minha vida.
Sim, ás vezes é bom reciclar...

Reciclei atitudes, percepções. Condutas.
Pensamentos e até algumas convicções.

Estou tocando meus projetos, estou indo em busca dos meus sonhos!!
Logo vou ter uma grande novidade pra contar.
Por enquanto vou reformando o q tem aqui dentro de mim.


Comecei a fazer análise. Ou terapia.
Chamem como quiser. Mas é muito bom.
Estou reencontrando aquela pessoa que existia em mim antes de toda minha vida mudar tanto e eu ter que simplesmente crescer.

Crescer é difícil. É bom, mas difícil. E por algum tempo fiquei meio perdida tipo cusco que cai da mudança.
Agora que estou me reestruturando quero valorizar mais meus aprendizados.
Quero retomar alguns hábitos, quero retomar a direção da minha vida!

Ah que bom!!
Estou me sentindo feliz...e livre! Pra conquistar o meu mundo!

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Quando acaba...

Quando acaba... (Arnaldo Jabor)

Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim.
Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa:
-Ah, terminei o namoro...
-Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
-Cinco anos... que pena... acabou...
-é... não deu certo...'

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou.
E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.
Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos essa coisa completa.
Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.
Tudo junto, não vamos encontrar.
Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.
Pele é um bicho traiçoeiro...
Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.
E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não
bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.
Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra.
O outro tem o direito de não te querer.
Não brigue, não ligue, não dê pití.
Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não.
Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta.
Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?
O legal é alguém que está com você, só por você.
E vice-versa.
Não fique com alguém por pena.
Ou por medo da solidão.
Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é
compartilhado.
E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.
Tem gente que pula de um romance para o outro.
Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?
Gostar dói.
Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração...
Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.
E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse...
A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.
Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapêuta.
Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.
Na vida e no amor, não temos garantias.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar.
Nem todo beijo é para romancear.
E nem todo sexo bom é para descartar... Ou se apaixonar... Ou se culpar...
Enfim... quem disse que ser adulto é fácil ????

sábado, 6 de setembro de 2008

O que será...

O que é a saudade?
Bem... eu sei que só a sentimos por alguém que nos comunicou algo. Sim! Porque de alguém que nada tenha deixado conosco não creio que seja possível sentir saudade.
Saudade é o abraço ausente de alguém que está presente em você.
Você já sentiu saudades de alguém?
Às vezes acho que sentir saudade é bom. Sim! Porque ela nos aproxima de certa forma de alguém que, mesmo distante, está ali, no nosso pensamento, constantemente.
E queríamos, é claro estar junto daquela pessoa, mas quando isso não é possível, nos contentamos somente em pensarmos nela.
Imaginamos o reencontro depois de tanto tempo, o sorriso que aquela pessoa nos dará de presente. E a alegria! toda aquela alegria que sentiremos então.
Sim... a saudade vale a pena ser sentida. É um sentimento que nos dignifica. Porque, ao pensarmos naquela pessoa nos sentimos mais gente, sabe? sentimos que somos seres humanos, que temos a necessidade de convívio. Que somos sociáveis.
Saudade... como é bom tê-la no meu coração ... e o amor ...
O amor não move montanhas?
Dizer que te amo é fácil! Sentir que TE AMO é privilégio.
Mas o pricipal do sentimento, é senti-lo cá dentro.
Porque as palavras, leva-as o vento.
Não esqueças então, que comunicar só com o coração, não é suficiente.
Pode ser bonito... Pode ser quente...
Mas ouvir da pessoa amada, esteja perto ou ausente
Amo-te... é o melhor presente!

terça-feira, 19 de agosto de 2008

Para Homens e Mulheres!!

O que não usar - por Arnaldo Jabor


Algumas coisas que as mulheres devem saber que são tristes de
usar. Com isso, e pela importância que dou ao sexo feminino,
decidi fazer uma pequena listinha de coisas que simplesmente
algumas mulheres deveriam repensar antes de usar (caso uma mera
opinião masculina importe).

É triste mulher:

1) Usar esmalte com uma florzinha (ou estrelinha) em uma das unhas
combinado com a outra mão (no pé já é caso de internação).

2) Salto de acrílico (a não ser que vá fazer um filme pornô ou
agradar o namorado fetichista). Sapato branco também é de
lascar.(a menos que você seja enfermeira...) Bota Frankstein,
aquela do plataformão preto. Nem Mortícia Adams teve coragem de
usar... E, sandália com plataforma de madeira entalhada. Essa
dispensa qualquer comentário

3) Lente de contato colorida. Essa é uma das tenebrosas campeãs.
Além de dar uma enorme vontade de lacrimejar de aflição (para quem
está de frente com o ser), parece que estamos diante de uma
personagem do próximo filme do X-Men.

4) Meia-calça cor da pele, tipo Kendall para o inverno (a não ser
que tenha mais de setenta anos ou use debaixo da calça em caso de
frio extremo). Em hipótese nenhuma deve ser usada com saia e
sandália aberta.

5) Calça justa demais, que aperte as partes íntimas (fica
parecendo uma pata de camelo). Calça de cintura baixa com aquelas
gordurinhas sobrando para os lados e..... cofrinho aparecendo... .
Não obrigue os outros a ter que ver isso!


6) Descolorir os (muitos) pelos da barriga, o famoso 'caminho da
felicidade'. Melhor depilar, caso contrário é melhor procurar um
namorado que tenha colocado blondor no bigodinho. Farão um lindo
par.

7) Unha do pé grande, maior do que onde termina o dedo, além de
ficar muito feio pode ser um perigo fazendo 'carinho' com o pé, no
marido ou namorado. Se estiver solteira, vá à praia de meia.

8) Calça jeans com muitas aplicações (rosas coloridas, tachas,
strass, etc.). Tudo em exagero polui o visual e esse tipo de calça
tem muita informação. Usada junto com o item 2 é uma das piores
composições. Se pretende sacanear algum namorado (ou ex), chame o
para jantar ou dançar, e vá assim.

9) Perfume Paris, do Yves Saint Laurent. Se não estiver na
terceira
idade não tem desculpa. As pessoas ao redor não merecem isso e nem
todo mundo carrega Neosaldina na bolsa. Usar no verão então, é
sadismo.

10) Calça legging com tamanco de madeira. Se você não estiver numa
refilmagem de 'Grease nos tempos da brilhantina', use outra
maneira de chamar a atenção. Há outras (e muito melhores) maneiras
de um cara te achar gostosa.


O que os homens nunca deveriam usar - ou ter usado:


Na coluna passada, brinquei com o meu ponto de vista, sobre o que
as mulheres não deveriam usar - pois era sofrível. Foram dezenas
de e-mails concordando, mas pedindo para o colunista fazer a
mesmíssima coluna, porém sobre os equívocos masculinos. Já tinha
isso em mente e aí vai a minha lista para meus queridos leitores.
Acho abominável que um homem envergonhe (no sentido estético) a
classe masculina
usando:

1) O trio mais famoso do que o do McDonalds: pochete, bermuda
jeans e sandália papete. Se vier acompanhado do celular (na
capinha) na cintura então. É caso para fingir que não conhece.

2) Blazer com gola rolê por dentro. É o figurino preferido de 10
em cada 10 novos cabeleireiros recém bem-sucedidos na cidade. Esse
tipo acha esse conjunto o uniforme da 'elegância'. Geralmente
abrem salão na cidade com os nomes de Roberto's Coiffeur,
Cabral's, Antonio's e por aí vai.

3) Sapato social de 'franjinha' (aquele detalhe de penduricalho em
cima). Se for curto a ponto de aparecer a meia branca por baixo, a
coisa beira a piedade. Esse tipo fica ótimo num dublador de
Michael Jackson cantando 'Billie Jean' no Largo da Carioca.

4) Calça de cintura alta, a chamada 'Saintropeito'. Cuidado com os
testículos! Eles não têm culpa se você se veste mal. Gerentes de
churrascaria rodízio costumam adotar esse visual acompanhado de
uma vistosa camisa vermelha de seda javanesa. Correntão de ouro e
pulseira de ouro é melhor esquecer. Deixe para o bicheiros.

5) Perfume KOUROS (Yves Saint Laurent) ou NATURA. Num acampamento
pode ser usado como repelente (pena dos seus companheiros de
viagem). Um cara que usa esse perfume se torna inesquecível. O
trauma nas pessoas ao redor é irreversível.

6) Essa vai doer em muito 'Maurício' mas é a minha opinião:
Casaquinho de lã jogado nas costas e amarrado na frente. Esse
visual geralmente vem acompanhado de um cabelo arrumado pela mamãe
a ' La Roberto Justus '. Tem solução, mas tem que ser mudado ainda
na infância ou no máximo adolescência. Depois fica difícil.
7) Unha suja (e sem cortar). Se você não for o mecânico Pascoal da
novela 'Belíssima', pode ter certeza que brochará sua namorada ou
pretendente. Caso seja bonito como o Gianechinni, ela será somente
um pouco mais tolerante, entretanto, irá pedir para limpá-las
assim que acabar a noite de fetiche com um desleixado. Não esqueça
também de aparar aqueles pelinhos horríveis que por ventura saiam
do nariz ou da orelha - em nome da higiene, please!!!!

8) Base incolor na unha. Triste amigo. Só limpar e cortar já é
suficiente. Cuidado se tem esse hábito, pois daqui a pouco estará
pedindo 'francesinha' no salão.

9) Fazer sobrancelha. Se for tirar um fio maior, ok. Agora, se for
limpar e afinar nas extremidades, é melhor tomar cuidado. Daí para
usar rímel e delineador é um pulo. Não estranhe se vier uma
vontade incontrolável de chamar um amigo de infância para assistir
'Brokeback Mountain' comendo pipoca light.

10) Cueca furadinha tipo antiga Adams de cor (vermelha, amarela,
marrom etc.). Amigo, por favor, treine tirar a calça puxando a
cueca junto. Nenhuma mulher no mundo agüenta esse choque visual.
Se ela vir a sua cueca é provável que você fique na mão
(literalmente) Esqueça também a sunga branca na praia. Nem precisa
explicar...

Arnaldo Jabor

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Evanescence - Broken (tradução)

Quebrado

Eu queria que você soubesse que eu adoro o jeito que você sorri
Eu quero te abraçar bem forte e levar sua dor pra bem longe
Eu guardo sua foto, e eu sei que ela me ajuda bastante
Quero te abraçar bem forte e roubar sua dor

Porque eu fico em pedaços quando estou solitário
E eu não me sinto bem quando você vai embora

Você se foi pra longe, e não me sente mais aqui

O pior já passou e nós podemos respirar de novo
Eu quero te abraçar bem forte, e mandar minha dor pra longe
Há muita coisa deixada de aprender, e ninguém contra quem lutar
Eu quero te abraçar bem forte e roubar sua dor

[Refrão]
Porque eu fico em pedaços quando fico exposto
E eu não me sinto como se eu fosse forte o bastante
Porque eu fico em pedaços quando estou solitário
E eu não me sinto bem quando você vai embora

Porque eu fico em pedaços quando fico exposto
E eu não me sinto como se eu fosse forte o bastante
Porque eu fico em pedaços quando estou solitário
E eu não me sinto bem quando você vai embora

Porque eu fico em pedaços quando fico solitário
E eu não me sinto bem quando você vai embora

Você se foi, você não me sente mais.

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Counting Crows - Accidentally In Love

So she said what's the problem baby
What's the problem I don't know
Well maybe I'm in love (love)
Think about it every time
I think about it
Can't stop thinking 'bout it

How much longer will it take to cure this
Just to cure it cause I can't ignore it if it's love (love)
Makes me wanna turn around and face me but I don't know nothing 'bout love

Come on, come on
Turn a little faster
Come on, come on
The world will follow after
Come on, come on
'cause everybody's after love

So I said I'm a snowball running
Running down into the spring that's coming all this love
Melting under blue skies
Belting out sunlight
Shimmering love

Well baby I surrender
To the strawberry ice cream
Never ever end of all this love
Well I didn't mean to do it
But there's no escaping your love

These lines of lightning
Mean we're never alone,
Never alone, no, no

Come on, Come on
Move a little closer
Come on, Come on
I want to hear you whisper
Come on, Come on
Settle down inside my love

Come on, come on
Jump a little higher
Come on, come on
If you feel a little lighter
Come on, come on
We were once
Upon a time in love

We're accidentally in love
Accidentally in love

I'm In Love, I'm in Love,
I'm in Love, I'm in Love,
I'm in Love, I'm in Love,
Accidentally

Come on, come on
Spin a little tighter
Come on, come on
And the world's a little brighter
Come on, come on
Just get yourself inside her

Love ...I'm in love

domingo, 27 de julho de 2008

Vixiii Maria!

Estava dando uma olhadinha no meu blog e confesso que não tenho gostado muito do que tem aqui não...
Sei lá....estranho....

Costumava me expressar bem antigamente....e agora parece que minhas idéias são confusas, atropeladas....Meio truncadas.

A impressão que tenho é que tem informação demais nas entrelinhas...
No entanto, acho que me falta tempo pra escrever...


Como saudosismo vou colocar uma conversa vivenciada há muito tempo atrás, de um amor acabado, (quero dizer, mal-acabado) que me deu gosto receber e responder.

A carta recebida:

Devaneio

Eu queria que ela fosse mais doce, mais calma, mais tranqüila quanto a
nós.
Eu não sei mais o que fazer; ela me sufoca, me puxa, me amassa,
e eu fico nessa indecisão de vida, nesse dilema,sem saber se vou ou se
fico.
Ao mesmo tempo, me envolve com seus braços firmes, apertados em minha
volta.

Se pudesse pediria a ela que beijasse minhas mãos.
Como se nós dois nascêssemos irmãos.Beija - mas bem!
Assim guardaria em minhas mãos os beijos que sonhei pra minha boca.

Sou um bebê em seu colo, sou seu jogo. Mas quando consigo fugir do seu
olhar de medusa
e me afastar, o que eu vejo é uma pessoinha tão frágil,
tão tão pequena, que me sinto um ladrão, um estuprador,
um canalha irresponsável por não estar cuidando bem dela.

Mas o que é cuidar bem? Ninguém me ensinou, eu não sei,
quando a conheci, eu ingênuo ela encantadora,
nunca pensei que tivesse que carregar um fardo;
nunca pensei que o brilho de seus olhos e seu irradiante sorriso me
seriam pesados.

Ela, essa mulher menina, também me é um fardo, e eu queria que ela
fosse leve como o pão-de-ló de minha avó.
Queria que ela fosse forte como meu pai, decidida como minha mãe,
que me arrebatasse e não me desse escolha
- que eu não pudesse pensar tudo isso que penso dela,
porque ela é meu caos, minha confusão, e eu quero - acho que quero - a
calmaria,
o meio-dia no deserto, meu rosto em seu peitoe aquele sono que nos
embala nos braços.

Preciso resolver. Varo noites e noites, não consigo relaxar,
e abro a janela com fúria, quero sair, quero sumir,
pego o telefone mas não ligo pois ela,
em sua casa de solteira organizada, deve estar dormindo e dormindo,
talvez tendo sonhos, que nem sei quais são –porque não a conheço.

Nunca a olhei como uma entidade única,
distante e separada de mim. Se tu me perguntas agora como são as
curvas do seu corpo, se ela usa óculos ou não, se ela mastiga de
boca aberta, se dorme cedo, se gosta de pentear os longos (curtos?)
cabelos eu não sei, não sei, nunca estive com ela a não ser aqui, bem
aqui dentro. Minha criação para confundir meu mundo.


A resposta enviada:

Resposta ao seu Devaneio

Não se engane. Posso der doce, calma e tranquila pra você. Só que apenas
escolhi momentâneamente ser, aquilo que me impulsiona pros seus braços,
pelo simples fato de me sentir sua.
Tenho consciência da sensação de sufocamento que posso causar. As vezes
até mesmo EU me odeio por isso....Por ser tão coração.
Mas só queria que você coubesse no meu abraço, e uma vez ali, não fosse
embora nunca mais.
Queria te prender, mas não pelo nado negativo da ação, mas pelo simples
fato de não te perder nunca.
(...)
Sim! Eu beijarei suas mãos. Beijarei seu rosto, seus olhos, sua boca.
Beijarei tanto que talvez você perceba...É minha forma de te pertencer.
Ou melhor, de te mostrar que comigo estará seguro.
(...)
Sim, sou frágil. Sou pequena, sou de cristal. Sim! Há você que tomar
cuidado para não me soltar. Não aguentaria a queda. Mas veja, isso não é
um fardo, pois, por você posso ser tão forte como o aço, tão marcante
como o fogo sem perder a doçura e suavidade que a ti aprazem.

(...)

Quero ser o vento que bate em seu rosto, quero ser a chuva que te molha
o corpo, mas sem contudo bagunçar teu mundo, sem com isso te
enfraquecer.
Não! O amor não é isso. O amor é uma coisa boa. Acredite. É uma ternura
e um destino pelo qual vale a pena percorrer essa estrada.
(...)

Resolva meu amor. Resolva ser amado pelo meu coração, da forma mais
simples e perfeita que te posso oferecer. Pois afinal, tu já me ligas
todos os dias, pensas em mim por alguns minutos antes de dormir e isso
já significa algo pelo qual vale a pena se entregar.

(...)
Não sou alguém distante de você. Não estamos separados dentro de nós.
Somos, ambos, nossas criações, nossas confusões, nossas turbulências.
É claro que eu também não sei se você come de boca aberta, se lê antes
de dormir, amarra os cadarços do tênis - ou se quer se você tem um tênis
para amarrar o cadarço.
Não sei onde tu mora, não sei se pertenceria a esse seu lugar tampouco.
O que eu sei é que tudo em você me intriga. E que ao seu lado as coisas
se tornam mais claras e mais confusas , se transformam em cores e em
cinza e tudo passa a perder o sentido lógico dos clichês patéticos dos
quais quero distância. Pelo menos pra mim, toda essa loucura é válida.

Acredite. Você me conhece.
O seu medo é não mais conseguir se enxergar sem uma parte de mim ao seu
lado.
E isso é aquilo que vale a pena no final.



E por hoje é só.
P.S.:Aos amigos que retornaram, bem-vindos.

terça-feira, 22 de julho de 2008

Ana Carolina - Eu Não Paro

Quando eu vou parar e olhar pra mim
Ficar de fora
E olhar por dentro
Se eu não consigo
Organizar minhas idéias
Se eu não posso
Se eu esqueço de mim?

E eu pensei que fosse forte
Mas eu não sou

Quando eu vou parar pra ser feliz
Que hora
Se não dá tempo
Se eu não me encontro
Nos lugares onde eu ando
Nem me conheço
Viro o avesso de mim?

Se eu não sei o que é sonhar
Faz tanto tempo
Tanto mar
E o meu lugar
É aqui?

Uma rua atravessada em meu caminho
Nos meus olhos
Mil faróis
Preciso aprender a andar sozinho
Pra ouvir minha própria voz
Quem sabe assim
Eu paro pra pensar em mim
Quem sabe assim
Eu paro pra pensar em mim

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Crescer, crescer, crescer...

Incrível como a gente cresce.
E o mais incrível ainda é como percebemos nossas mudanças.

Tudo muda...Muda nossos gostos, as cores das roupas que usamos, as convenções, as prioridades. Tudo.
Muda o tipo de música que curtimos, muda as baladas, muda hábitos.

Eu mudei até de cidade, de estado e um pouco de cultura.

Hoje eu tomo chimarrão, curto churrasco e bebo cerveja.
Antes eu era completamente diferente.

Tá bom. Nem tão diferente assim.
Os meus princípios e meu caráter não mudou. Continuo com meus pensamentos de ser humano, mas aprimorados sem dúvida.
Continuo amiga dos meus amigos, mesmo com algumas decepções.
Claro que nossa essência perdura.

Mas veja por exemplo uma mudança engraçada.
Antes, quando eu namorava, achava o máximo usar aliança de compromisso. Sabe? Aquelas em prata que se usava na mão direita!
Gente!
Hoje eu acho ridículo, brega até.
Não tenho o costume de dizer nunca mas, sinceramente não acredito que eu usaria isso hoje! E também não sei se isso tem a ver com as minhas experiências passadas ou com a mudança de crescer e perceber que há coisas muito melhores pra viver num namoro.

Mudança é sempre uma coisa boa.
E eu adoro estar revitalizando minha vida, mudando as coisas. Crescendo.

Estive em Joinville nas minhas férias e as mudanças bateram em mim com uma dureza infinita.
Não se trata de amar menos sua casa ou sua família.
Mas se trata de mudar, crescer.
A vida que eu tenho hoje é tão minha, tão cheia das minhas impressões, do meu cheiro, dos meus gostos, que me faz falta.

E aquilo que um dia foi tão teu, pertence às boas lembranças.
E perceber isso não me deixa orfã, mas me deixa forte.
Crescer é engraçado...e é muito bom.

Saber-se amada, saber-se nas lembranças de pessoas queridas é gratificante.
E não muda a realidade dos sentimentos.
Mesmo que a gente cresça, se mude, e faça a nossa vida.
As coisas são realmente assim
E isso é bom.

Afinal, é muito bom.

domingo, 20 de julho de 2008

Amor, amor

Não estou sofrendo
Não estou morrendo
Nem tô correndo atrás de um namorado
Não estou chorando
Nem me arrastando
Cala essa boca, você está muito enganado
Tá pensando que já é dono
Do meu bem-querer
Só porque eu te olhei, não quer dizer
Que eu quero amar você

Amor, amor você pensa que é assim
é só chamar que eu vou
o que você quiser
É só pedir que eu dou
E que eu não resisto ao teu poder de sedução
Amor, amor se toca de uma vez
E tenta entender
Debaixo dessa roupa vive uma mulher
E dentro desse corpo
Bate forte um coração
Comigo, não

Poderosa, atrevida.Ninguém se mete mais
na minha vida.Se eu tô dançando, tô te tocando.
Não significa que eu estou me apaixonando
Tá pensando que já é

domingo, 13 de julho de 2008

Luiza Possi - Me Faz Bem

Para falar, eu canto
Quero que saiba o quanto

Me faz bem
Me faz bem
Me faz bem

É sempre assim, perfeito
Voce de qualquer jeito

Me faz bem
Me faz bem
Me faz bem

Basta ver
O reflexo dos seus olhos
Bem nos meus
Com esse calor que deu para entender

Que o coração não mente
Que afortunadamente

Me faz bem
Me faz bem
Me faz bem

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Vanessa da Mata - Amado

Como pode ser gostar de alguém
E esse tal alguém não ser seu
Fico desejando nós gastando o mar
Pôr do Sol, postal, mais ninguém

Peço tanto a Deus
Para esquecer
Mas só de pedir me lembro
Minha linda flor
Meu jasmim será
Meus melhores beijos serão seus

Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer

Sinto absoluto o dom de existir, não há solidão, nem pena
Nessa doação, milagres do amor
Sinto uma extensão divina

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer
Quero dançar com você
Dançar com você
Quero dançar com você
Dançar com você

terça-feira, 1 de julho de 2008

Amizade

Essa semana perdi dois amigos muito queridos.

Um deles se foi lá pra cima, cuidar de mim e de todos que o amavam.
Outro simplesmente se foi, pq talvez nunca tenha sido meu amigo.
Este outro simplesmente teve escolha, mas preferiu se afastar.

Sentirei saudades.
Dos dois.

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Para ser Feliz



Uma pequena fenda, uma centelha...
Um pouco de luz... Sim, é suficiente.
Seus olhos se abrem e agora já pode ver: o caminho está à sua frente.
Não tema, permita que o seu coração possa lhe guiar.
Não desperdice suas energias em coisas que esvaziam seu ser, que possam
roubar a luz do seu olhar.
Abandone o que lhe faz sofrer, o que não lhe deixa ver quem você
realmente é.
Deixe que seu ser seja acolhido pelas mãos calorosas do amor e sinta
que ai está a sua alegria,o seu preenchimento, a sua confiança.
Todo pensamento sem amor tem que ser desfeito para que você possa
contemplar a sua verdadeira realidade, uma realidade onde a luz é presente,
mostrando que o amor é maior que tudo e que só através dele você pode
realizar o seu crescimento, a sua plenitude.
Para ser feliz, você tem que ser de coração.
Bons sonhos....

segunda-feira, 23 de junho de 2008

A mais pura verdade


'Hoje em dia a pizza vem congelada, a roupa lava sozinha, o Mc Donalds entrega em casa, e o filme não precisa mais rebobinar. Ninguém abre a Barsa pra fazer um trabalho, cada um tem seu celular, e é tudo tão cômodo que a gente até se esqueceu que nem sempre foi assim.

A tecnologia nos deu um mundo novo: mais rápido, mais fácil e, antes de mais nada, passageiro. O hotmail rasga automaticamente as minhas cartas, as fotos somem sempre que o computador estraga, todo mês a Motorola lança quatro ou cinco modelos diferentes de celulares. Estranho? Claro que não. Já estamos tão acostumados que mal percebemos a insolidez e instantaniedade das coisas.

E não é à toa. Nos vestimos assim, comemos assim, e o mais triste: nossos relacionamentos tambem são assim. A minha geração inventou o "ficar" e admite tranquilamente sexo sem compromisso.

Diferente da minha mãe, eu não preciso namorar pra beijar na boca, nem casar pra deixar de ser virgem e, se aos 16 eu me sentia em vantagem, hoje eu começo a admirar aqueles tempos.
Para onde foi o romantismo, o amor verdadeiro, as flores, as declarações? O que aconteceu com a intimidade, com o respeito e a confiança? Será que ninguém mais acredita na felicidade calma das terças feiras chuvosas, na alegria constante de se querer quem se tem?

A verdade é que eu cansei dessas competições infames de "quem demora mais pra responder o telefonema", chega desse teatro infantil do "vou fingir que eu não vi". O amor é um jogo esquisito, em que só se ganha quando dá empate. Não quero sair por cima, muito menos sair por baixo, o que eu quero é sair ao lado; e de mãozinha dada, se for possível.

O consumismo nos induz a um estado de insatisfação permanente, que aplaude o digital e o descartável e abomina tudo o que é eterno e trabalhoso.
Talvez seja por isso que a idéia de amar assuste tanto: a concepção de um sentimento duradouro e complicado contraria os valores vigentes, tornando-nos confusos e vulneráveis. É fácil conquistar uma menina por uma noite, é fácil ser atraído por um decote, difícil é querer estar com ela o tempo todo, difícil é não ter medo de ser feliz!

Eu posso parecer atrasada e até meio cafona, simplesmente não tenho outra opção. Enquanto a internet não disponibiliza uma versão melhor, eu fico com esse meu coração de sempre, que já não acredita em romances express, nem se contenta com amostras grátis de amor.'

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Carinho

Quem gosta de receber carinho?

Quem gosta de saber que se está doente tem alguém que te mime, te leve remédios em casa, faça um bolo pra você.

Quem não gosta de carinho???

As pessoas me decepcionam, por não saberem valorizar as pessoas que as amam.
Que coisa difícil....

E você o que acha disso???


SABER AMAR Quando encontrar alguém, e esse alguém fizer seu coração parar de funcionar por alguns segundos: PRESTE ATENÇÂO!Pode ser a pessoa mais importante da sua vida.Se os olhares se cruzarem, e se nesse momento houver o mesmo brilho intenso entre eles:FIQUE ALERTA!Pode ser a pessoa que você está esperando desde o dia em que nasceu,Se o toque dos lábios for intenso, Se o beijo for apaixonante,E os olhos se encherem d' água neste momento,PERCEBA!Existe algo mágico entre vocês.Se o primeiro e último pensamento do seu dia for essa pessoa,Se a vontade de ficar junto chegar apertar o coração, agradeça:DEUS TE MANDOU UM PRESENTE, O AMOR!Se um dia tiveverem que pedir perdão um ao outro, por algum motivo e em troca receber um abraço,um sorriso, um afago nos cabelos, e os gestos valerem mais do que mil palavras, entregue-se:VOCÊS FORAM FEITOS UM PARA O OUTRO!Se por algum motivo você estiver triste, se a vida lhe deu uma rasteira e a outra pessoa sofrer o seu sofrimento, chorar a suas lágimas e enxugá-las com ternura, que coisa maravilhosa: Você poderá contar com ela o resto da sua vida. Se você conseguir em pensamento sentir o cheiro dessa pessoa, como se ela estivesse ali do seu lado....Se você achar a pessoa maravilhosa, linda, mesmo ela estando de pijamas velhos, chinelos de dedo e cabelos emaranhados.Se você não consegue trabalhar direito o dia todo, ansioso para o encontro que está marcado para a noite...Se você não consegue imaginar de maneira nenhuma, um futuro sem a pessoa ao seu lado...Se você tiver a certeza que vai ver a outra pessoa envelhecendo e, mesmo assim tiver a convicção que vai continuar sendo louco por ela...Se você preferir morrer, antes de ver a outra partindo, é o amor que chegou na sua vidaÉ uma dádivaMuitas pessoas apaixonam-se muitas vezes na vida mas poucas amam ou encontram um amor verdadeiroOu às vezes encontram e, por não prestarem atenção nesses sinais, deixam o amor passar, sem deixá-lo acontecer verdadeiramente.É o livre arbítrio.Por isso, preste a atenção nos sinais não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida : O AMOR

Carlos Drumont de Andrade

As coisas que me bagunçaram....

Semana difícil essa de agora....
Quando as coisas pessoais realmente se ajeitaram, quando eu e o Vitor finalmente nos alinhamos, quando tudo se encaixou nos episódios da vida e você acha que nada vai te desestabilizar...
Você recebe notícias que mexem com vc.


E agora?
Santa Catarina ou Rio Grande do Sul?
Família número 1 ou a número 2?

Mais ou menos estabilidade financeira?
Amigos antigos ou os novos?
Viajar mais ou viajar menos?
Novos desafios em uma nova empresa ou na velha?

Aiii
Por que as coisas não podem simplesmente se ajeitarem pra mim?
Quero parar de tantas dúvidas e encruzilhadas.
Quero um só caminho, menos tortuoso possível.

Mas isso também não é justo.

Socorroooooo!

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Feliz dia dos Namorados

12 de junho: Dia dos Namorados

Ontem estava pensando sobre essa data tão comentada e muito mais do que bem comemorada do calendário comercial.
Andava pelo shopping procurando algo de última hora para comprar e me peguei relembrando todos meus outros dias dos namorados.

Antigamente eu achava o máximo comemorar o dia 12. Era a oportunidade de sair pra jantar, ganhar e dar presente pro namorado, passar mais tempo com ele, fazer coisas que rotineiramente não fazíamos.
Era bacana.
Mas naquela época eu era completamente dependente do meu pai, ganhava mesada e somente estudava. Nada mais que isso. Ou tudo isso.
A mesada de junho servia somente pra comprar aquele presente.

Mas hoje em dia as coisas mudaram pra mim. Não vejo tanta graça em fazer todo esse alarde, correr pra comprar presente e cartão, ou sequer ter ânimo pra sair pra jantar numa quinta feira!
E parei pra pensar o porquê de eu sentir isso.
Acredito que hoje todo esse romantismo, a liberdade de poder comprar o que eu quero ou de sair pra jantar não precise mais de um único dia especial.
Hoje, sou independente, moro sozinha, trabalho um monte.! ENtão sempre que posso, janto com meu namorado, curto ele ao máximo e troco vários mimos durante o mês. Seja uma gentileza ou um presente que vi e achei a cara dele, algo que ele precise muito e não tem tempo pra comprar. ~

Eu não preciso de um dia especial pra falar pra ele o quanto eu estou feliz de tê-lo em minha vida. Muito menos pra comprar presente.

Aquilo que envolve esse dia 12 deixou de existir uma única vez ao ano e tem sido presente em vários outros dias do ano, me fazendo sentir que o que tu sente, o que vc pensa ou quem vc quer deve ser lembrado e vivido todos os dias de um namoro.

Gostaria mesmo assim de desejar a todos os casais um Feliz Dia dos Namorados. Não só hoje mas amanhã e depois de amanhã também.
E espero muitas surpresas pro meu coração também. Acho que estou precisando.

domingo, 8 de junho de 2008

Velhice para coisas fúteis

Inspirado nesse texto de um amigo meu, onde muito me identifiquei:
"O frio e principalmente, as frias em que me meti nesse final de semana me fizeram enxergar claramente algumas coisas. Falarei da mais significativa, eu comecei a envelhecer. Sei bem de todo aquele papo que tu envelhece quando quer, tu não tem nem 30 e esse blablabla, mas os sintomas são indiscutíveis. Eu não tenho mais paciência para certas coisas e pessoas. Eu canso, bocejo, me irrito, não tenho mais saco."

Estou cada dia mais convencida que estou ficando velha.

Tudo bem que isso não significa muita coisa quando percebo que para algumas atitudes fúteis eu sempre tenha sido uma senhora!
Ontem sai com uma amiga para uma casa muito legal, com ótimo som, ali mesmo na João Alfredo. Coração da cidade baixa de Porto Alegre.
A promessa era de se divertir e dançar muito!

Mas não foi isso que aconteceu e eis os motivos que me fizeram correr de lá:

1.Lugar lotado. Claro que quando a casa é boa o lugar lota. A música era na medida certa pro meu gosto mas eu não conseguia me mexer! Pessoas mal-educadas se acotovelando, mulheres disputando espaço para se mostrar pros caras, gente transitando a procura de não sei bem o que...o tempo todo.
Quem conseguia dançar se sentia numa lata de sardinha.
Ah! é muito pra minha cabeça. Gosto de liberdade, de dançar solta, de rir. Gosto de ter onde colocar meu casaco e não ter que ficar levando o coitado a tiracolo. Porque a lotação era tanta que contagiou até a chapelaria. Horrível.

2.Pessoas fumando excessivamente. Eu sei que na balada é assim. Muito cigarro, muito álcool, muito tudo. Excessivamente. Mas as pessoas fumam e jogam a fumaça na tua cara, sem se preocupar se vai te queimar, se vai cair cinza em ti, se vc vai gostar disso ou qq outra coisa. Simplesmente, vc volta pra casa como se tivesse se transformado em um cigarro de verdade. E se você pede pra elas cuidarem com o que estão pitando elas te dizem: Se cuida vc!
Ah! Por favor.

3. O sentido da balada é pegação? Então o povo de Porto Alegre está seguindo a risca. Os caras vem pra cima, te agarram, não querem nem saber. Já vem beijando e passando a mão. E o que é pior: as gurias também. Tu tem que ser muito esperta pra se safar! Confesso que isso não foi um problema, mas eu acho triste a banalização que as pessoas fazem dessa intimidade. Eu sei que beijar é bom, mas qq um? Ah, por favor... E aquelas cantadas ridículas então? Deus que me perdoe...

4. Confesso que as minhas companhias estavam ruins. Se voce tem pessoas que se divertem e sejam boas companhias mesmo, tudo fica bem mais suportavel. Mas eu não tive essa sorte. Não ontem.

5. Ah! e tive que parar o carro na rua. Então estava preocupada com ele também. Ruim pra se divertir!

De certa forma, eu mesma nunca fui muito baladeira. Sempre fui caseira, quietinha. Gosto de conversar, ouvir o que as pessoas tem a dizer, olhar nos olhos, então esse tipo de ambiente não é o ideal. Não pra isso. E talvez não tenha a ver com idade. Eu sempre fui assim. É personalidade.
Não bebo pra cair. Aliás, posso ficar alegre pra me soltar...mas sinceramente eu não preciso disso. Me divirto sem a bebida. Não fumo, não fico com qq um (muito menos tendo um pseudo-namorado). Acho que eu na verdade sou uma péssima companhia...
hahahahah
Vai saber né?
Pra mim uma noite assim, é perda de tempo.


O melhor da noite foi pegar chuva na saída até o carro, ouvir umas 200 vezes que eu tinha o sorriso mais bonito da noite e ainda chegar em casa, tomar um banho bem quentinho e dormir na minha cama maravilhosa.
É. decididamente, essas foram as melhores coisas da noite.

Estou ficando velha para coisas inúteis.

sexta-feira, 6 de junho de 2008

O que eu faço agora?

Estou mais uma vez perdida.

Não sei o que fazer, nem a quem querer.
Só sei que a cada dia mais confusa fico, com a ausência de um e a atenção do outro.


Chegou meu sofá.
Vamos ver o que acontece depois desse fim de semana!

quinta-feira, 29 de maio de 2008

A quem possa interessar

Muitas pessoas gostem de falar das outras. Da forma como se comportam, das escolhas que fazem, do jeito que encaram a vida.
Muitas pessoas julgam seus semelhantes por aquilo que muitas vezes as perseguem: sua consciência.
"Fulano fez certo, ou fez errado"
"Ciclano vai quebrar a cara ou escolheu o pior desfecho".

Mas quem somos nós para decidirmos o bom ou ruim para a vida de outrem?

Quando terminei meu noivado com o Rodrigo ouvi de tudo das pessoas próximas. Todo tipo de opinião. Uns me criticavam, outros me julgavam forte e decidida. Mas o que talvez poucos soubessem é que eu estava destruída por dentro.

Me reconstruí por meses a fio, enfrentei todos os tipo de sentimentos (antagônicos até!) e me tornei diferente. Nem melhor, nem pior. Somente alguém diferente do que costumava ser, marcada pela aprendizagem.

Meus maiores ganhos foram uma mescla de humildade, dignidade e amor próprio que não apagaram a menina romântica em mim, mas permitiram a chegada da mulher madura.

Tempos depois conheci outro alguém. fui muito feliz nos momentos vividos. Consertei erros, melhorei posturas, mas como nada é um círculo perfeito (nem eu sou) escorreguei no erro mais inocente de todos.
Por um mês, experimentei a amarga paciência da mulher de fé. reaprendi a esperar, a ouvir meu coração e sintetizei ainda mais aprendizagens.
E hoje cá estou eu, no meu mundo de sentimentos, recriando a minha (e porque não nossa) vida amorosa.
Só eu sei com quem me envolvi. E também sempre soube o que ele precisava de mim.

Mas sempre tem aqueles que julgam. E talvez isso nunca mude realmente.
Aos que servirem o conselho lembrem-se: só eu sei o que eu vivi. E o porquê das minhas escolhas só eu sei o sabor que tem.

É difícil não palpitar, eu sei. É difícil quando se tem algum interesse por menor que seja na questão.

Cansei de racionalizar, de ir pelo caminho correto e seguro. É um saco fazer as coisas que os outros esperam que nós façamos.
Sinta mais a vida! Perdoe mais a quem ama! Se permita mais loucuras no seu dia-a-dia! Perceba que a SUA vida já é suficientemente complexa para que você queira palpitar e consertar a dos outros.

"Não vai se machucar" diz um
"Não se entregue" diz outro.
Mas quem disse que uma vida feliz é uma vida sem riscos?

Eu esperei, eu compreendi. E ACREDITE: valeu a pena.
Porque quando ele me pediu desculpas, me olhou nos olhos e me deu aquele beijo de cinema, senti que muita coisa havia mudado. Dentro e fora de mim. Pra melhor.
E quem tem que realmente se cuidar, acreditem: É ELE!

segunda-feira, 26 de maio de 2008

O que será agora?

Mil coisas pra falar.

Tumulto.

Pensamentos fervilhando em desordem.

Preciso respirar antes de conseguir pensar direito.

Mundo maluco!

sexta-feira, 23 de maio de 2008

Nothing But A Song



Tiago Iorc - Nothing But A Song


I read your mind a thousand times
Exempt myself from alibis
Surrender to me softly
You're trying to find a different side on me

You see this life
As nothing but a song without no rhyme

Devote myself with compromise
Selfishly lying, giving bad advice
Surrender to me once again
You're trying to find a boy inside a man

You ask me why
We suffocate our lives beneath the sky

Maybe we're losing all reason in our silly fights
Maybe this time it'll seem right
I wanna tell you ‘bout
The day we first met and
How I feel when you're holding me tight
Oh, And how you've changed my life

Confusão.

Ontem foi um dia atípico.

E fica até clichê dizer que estou confusa.

Havia algum tempo que meu horóscopo dizia que em breve eu teria que tomar uma decisão difícil que mudaria todo o curso da minha vida...

Parece que eu já estou entendendo como é isso.
Tudo bem que eu não acredito muitooo em Astrologia, mas por estar passando por uma fase extremamente contraditória e instável emocionalmente as coisas têm me balançado um bocado.

Decisões, decisões, decisões...
Até quando?

Não dá pra simplesmente deixar as coisas se arranjarem e assistir de camarote?
Não....nunca fiz isso na minha vida.
Não vai ser agora.

Mas realmente " quando você acha que tem todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas!"

domingo, 18 de maio de 2008

A dinda mais babona do MUNDO!



Nasceu meu primeiro afilhado!
João Vitor chegou gente!

Veio apressadinho, dia 12 de maio, segunda feira pesando 2,700Kg...
Nasceu em Mafra...Longe da dinda.

Não é porque é meu afilhado, mas ele é muito fofo!
Nada pode descrever minha emoção.
Acho que só vai ser superada quando vierem os meus filhotes!

Gizele!!
Tô muito orgulhosa de vc amigaaaaaaa
Além de ter sido e estar sendo uma guerreira, teve um filho lindo!
Saudável e com certeza muito amado!!

Bem vindo lindo da DINDA!
Tô muito feliz de ter você no nosso mundo!!




Para ele, eu não quero ser apenas uma simples madrinha. Quero ser principalmente uma amiga com quem possa desabafar, partilhar as suas alegrias e tristezas; quero aconselhá-lo e protegê-lo; quero guiá-lo ao longo dos seus percursos acadêmicos; quero merecer a confiança dele; quero sentir que ele se orgulha tanto de mim, como eu me orgulho dele!
Te amo João Vitor!

Grêmio Grêmio Grêmio!!!


MARAVILHOSO

Primeira vez que fui ao estádio Olímpico na minha vida e ainda mais fui assistir ao Grêmio X Flamengo.
Não ganhamos mas deu até pra ficar rouca!

Gritei, cantei, festejei....e vi o goleiro Bruno do Flamengo defender 19 vezes...
Que pena....Não foi dessa vez, mas com certeza irei sempre que tiver jogo!
E ainda vou ver o Grêmio ganhar!!


eeeeeeeeeeeeeeeeee

Minha incurssão no mundo azul celeste está realizada!
Campeonato Brasileiro! Ai vamos nós!

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Para o Rafael.

SINTO SAUDADES
de amigos que nunca mais vi,
de pessoas com quem não
mais falei ou cruzei...

SINTO SAUDADES
da minha infância,
do meu primeiro amor,
do meu segundo,
do terceiro,
do penúltimo
e daqueles que ainda vou vir a ter,
se Deus quiser...

SINTO SAUDADES
do presente, que não aproveitei de todo,
lembrando do passado e apostando no futuro...

SINTO SAUDADES
do futuro, que se idealizado,
provavelmente não será do jeito
que eu penso que vai ser...

SINTO SAUDADES
de quem me deixou
e de quem eu deixei,
de quem disse que viria e nem apareceu;
de quem apareceu correndo,
sem me conhecer direito,
de quem nunca vou ter
a oportunidade de conhecer.

SINTO SAUDADES
dos que se foram
e de quem não me despedi direito;
daqueles que não tiveram como me dizer adeus;
de gente que passou
na calçada contrária da minha vida
e que só enxerguei de vislumbre;
de coisas que eu tive
e de outras que não tive mas quis muito ter;
de coisas que nem sei que existiram
mas que se soubesse,
de certo gostaria de experimentar;

SINTO SAUDADES
de coisas sérias,
de coisas hilariantes,
de casos,
de experiências...

SINTO SAUDADES
do cachorrinho que eu tive um dia
e que me amava totalmente,
como só os cães são capazes de fazer,
dos livros que li e que me fizeram viajar,
dos discos que ouvi e que me fizeram sonhar,
das coisas que vivi
e das que deixei passar,
sem curtir na totalidade;
Quantas vezes tenho vontade de encontrar
não sei o que,
não sei aonde,
para resgatar alguma coisa
que nem sei o que é e nem onde perdi...

Vejo o mundo girando e penso que
poderia estar sentindo SAUDADES em
japonês, em russo, em italiano, em inglês,
mas que minha saudade,
por eu ter nascido brasileiro,
só fala português embora, lá no fundo,
possa ser poliglota.
Aliás, dizem que costuma-se usar sempre
a língua pátria, espontaneamente,
quando estamos desesperados,
para contar dinheiro, fazer amor
e clarear sentimentos fortes,
seja lá em que lugar do mundo estejamos.

Eu acredito que um simples "I Miss You",
ou seja lá como possamos traduzir SAUDADE
em outra língua,
nunca terá a mesma força e significado
da nossa palavrinha.
Talvez não exprima, corretamente, a imensa falta
que sentimos de coisas ou pessoas queridas.

E é por isso que eu tenho mais SAUDADES...
Porque encontrei uma palavra para usar
todas as vezes em que sinto este
aperto no peito, meio nostálgico,
meio gostoso, mas que funciona melhor
do que um sinal vital quando se quer falar
de vida e de sentimentos.
Ela é a prova inequívoca de que somos sensíveis,
de que amamos muito
do que tivemos e lamentamos as coisas boas
que perdemos ao longo da nossa existência...

SENTIR SAUDADES, é sinal de que se está vivo
e a vida, mesmo com tantas saudades,
depois dos amigos,
é o bem maior que possuímos !

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Como seduzir uma escorpiana

Aqueles que adoram de emoções fortes, como andar à beira de um vulcão, têm satisfação garantida com Escorpião. Seduzi-lo porém, não é tarefa fácil, principalmente porque, talvez você ainda não tenha percebido, o seduzido é você.

Misteriosos como eles só, gostam do que é enigmático e que ainda está para ser descoberto. Desse modo, não vá se atirando por cima de um ser de Escorpião, só porque leu em algum lugar que esse signo é ligado à sexualidade. A coisa não é bem assim, ele quer muito mais do que seu corpo: quer nada além de sua alma. Se quer algo mais do que uma noite (o que também é difícil de se conseguir), melhor agir de forma estratégica, o que aliás é o modus operandi dele mesmo. Insinuar, dizer uma coisa com as palavras e outra com o olhar, enviar sinais sutis e desenhar quebra-cabeças e deixar pistas para que os escorpianos o sigam, certamente pode levar a melhores resultados. São uma espécie de detetives, investigadores da alma humana, atraídos pelo raro, pelo secreto, pela essência por detrás das aparências. Nem pense em enganá-los, sua visão de raio x acessa sites inexplorados de você que nem você mesmo sabe a senha... Uma das principais chaves é conquistar sua confiança, mas não fique fazendo promessas e se marqueteando para essa desconfiadíssima e cautelosa criatura, o próprio escorpiano se encarregará de descobrir tudo sobre você.

Algumas pessoas se arrepiam ao se verem tão desvendada assim (será esse o seu caso?); outras, se dão conta que, ao envolverem-se com Escorpião, estão se tornando mais conscientes de suas próprias emoções e revelando-se a si mesmas. Já deu pra notar que o pessoal desse signo não é de brincadeira... Mas não precisa ter medo deles, tire da cabeça todas essas bobagens do tipo "Escorpião é traiçoeiro" que andou ouvindo por aí. Só usarão seu ferrão se forem cutucados. Sérios, justos e verdadeiros, agem assim com os outros e esperam o mesmo, principalmente daqueles que amam.

Se quer atrair Escorpião, saiba que seu caráter, seu interior é o grande ímã. Isso também não dispensa cuidados especiais com sua aparência, como roupas sexys (mas sem entregar o ouro), nunca esquecendo de garantir uma boa cuequinha de seda ou uma lingerie rendada...

Está pronto para banhar-se 24 horas por dia / 7 dias por semana no caldeirão quente da paixão? Bem, Escorpião é dedicado e gosta de receber toda a sua atenção. Podem ser um pouquinho possessivos e ciumentos, mas não farão escândalos... Melhor não dar motivo.

Bagunça

Minha alma está bagunçada.
Tudo aqui dentro está bagunçado. Parece que as coisas não estão equilibradas, tudo está estranho.

Não costumo ser desatenta, desligada, nem mesmo ter a cabeça no mundo da lua.
MAs ultimamente parece que as coisas passam por mim e não me encostam, simplesmente passam, atravessam e não modificam nem me fazem sentir coisa alguma.

Acordei com um sentimento de impossibilidade. De renúncia, de incapacidade.
Não me lembro de você, nem de quando era bom te ter ao meu lado.
Queria tanto te odiar. Mas só sinto esse vazio, essa indiferença que eu não sei lidar. Queria tanto te odiar. Ter qq coisa, sentimento sei lá que me fizesse sentir humana, amando, completa.

Acordei antes da 6h. Sem sono. me arrumei, tomei café da manhã e sai muito mais cedo do que de costume pra trabalhar. Nem ligar mais o rádio de manhã eu me lembro.

De repente deu vontade de chorar. Sei lá, deu um nó na garganta.
Que merda.

Liguei o rádio e estava tocando uma música bonita que falava de amor. Acho que até era uma música que eu lembrava dele qdo ouvia. ou que ofereci pra ele.
Troquei pro cd do carro. Tocou uma música de amor ainda mais triste.
QUe merda.

Troquei de novo pro rádio.

I've been awake for a while now
you've got me feelin like a child now


Criança idiota. Assim que eu fui. Uma criança que podia ter se prevenido.

cause every time i see your bubbly face
i get the tinglies in a silly place


Música idiota.

Tudo está cinza.
Odeio você, odeio essa música, odeio o amor.

Que bom!!
Voltei ao normal.

quinta-feira, 8 de maio de 2008

O que a Manuela quer...Parte 2

O que eu quero...

Quero um amor que goste de cozinhar. Ou que pelo menos me ajude na cozinha quando a gente inventar de fazer algo pra comer. Quero um amor que não se importe se por acaso eu estragar o arroz, mas que ria comigo da minha falta de prática.

Quero um amor que saiba dançar. Ou que pelo menos se esforce para se divertir numa festa.Que não seja aqueles caras chatos que nunca se divertem ou tem vergonha de pagar micos. Quero um amor que se divirta!

Quero um amor que faça caretas, que conte piadas, que me faça cócegas. E que não fique brabo quando eu fizer cócegas nele. Que além de tudo seja simples e veja prazer na vida!

Quero um amor que me mande flores, bombons e que ande de bicicleta comigo nos domingos. Que passeie de mãos dadas e que não tenha medo de me proteger. Quero alguém que me acompanhe.


Quero um amor que goste da minha família, ou que pelo menos a respeite. Quero uma família amorosa que me aceite também e que veja em mim alguém forte e na medida pro amor do filho seu!

O que eu quero mesmo é um amor pra chamar de MEU.

terça-feira, 6 de maio de 2008

O que a Manuela quer...

O que eu quero....

Quero um amor que goste de cachorros.
Sim.
Que goste dos grandes, dos pequenos, dos que latem e dos que pulam quando você chega em casa.
E que goste de gatos também. Porque eu tenho dois.

Quero um amor que goste de animais, natureza, camping (embora eu nunca tenha acampado!); que goste de lama, mar, praia, cachoeira, mato.
Que me acompanhe em qualquer lugar.

Quero um amor que goste de aventuras, de viajar de carro, de passear, de conhecer lugares novos, de dar risada, de tirar fotos. Muitas!

Quero um amor que curta frio, neve, sol, calor, lareira, vinho e chocolate.Que fique assim, bem agarrado em mim, nas noites mais frias do inverno.

Quero um amor que sonhe muito!
Sonhe sobre sua vida, suas conquistas, sobre nós. E que além de sonhar, compartilhe seus sonhos para que a gente possa realizar.
Quero um amor que realize!

Quero um cara que dirija melhor que eu. Que tenha segurança ao volante e que me ensine muitas coisas. Que converse comigo, que tenha idéias e que as defenda acima de tudo (se forem boas)!
Quero um Homem que me ensine, que tome as rédeas da nossa relação. Que não me deixe ganhar todas as discussões só porque não praticou a persuassão em algum momento da vida.

Quero um amor que sinta saudades de mim, que goste do meu cheiro, que me mande mensagens de bom dia antes mesmo de eu acordar. E que me mime. Mas não muito, porque eu não posso me sentir completamente segura. Quero um amor que saiba da importância que ele tem na minha vida, mas mais ainda saiba que a pessoa mais importante ainda é ele. E que se eu tiver completo controle de tudo, não vai ser tão legal.

Quero um amor que divida comigo. Divida as alegrias e os problemas, as horas boas e as horas difíceis. Que tenha em mim um porto seguro e que eu tenha nele meu cais.


Continua...

segunda-feira, 5 de maio de 2008

The Kill - Isso explica muita coisa!



What if I wanted to break
Laugh it all off in your face
What would you do?

E se eu desmoronar?
Se não pudesse mais agüentar
O que você faria?

Come break me down!
Bury me, bury me!
I am finished with you!

E se eu quisesse lutar?
Pelo resto da vida implorar
O que você faria?

You say, you wanted more
What are you waiting for
I'm not running from you

Come break me down!
Bury me, bury me!
I am finished with you!
Look in my eyes!
You're killing me, killing me!
All I wanted was you!

I tried to be someone else
But nothing seemed to change
I know now, this is who I really am inside!
Finally found myself! Fighting for a chance I know
now,
THIS IS WHO I REALLY AM!


Come break me down!
Bury me, bury me!
I am finished with you!
(You! You!)
Look in my eyes!
You're killing me, killing me!
All I wanted was you!

Paciência


Eu acredito que na vida tudo tem um propósito de acontecer.
Ou não acredito sei lá.

Nesse fim de semana me indaguei se existe destino ou se são nossas escolhas que nos jogam constantemente na cara do futuro.

Vou tentar ser mais clara.
Amor por exemplo.

As vezes você acha que aquele é o cara da sua vida.
Você chora por ele. Reza por ele. Implora por ele.
Promete mundos e fundos, faz promessas, simpatias, canaliza todas as suas energias para que ele volte pra você e no fim você pára e pensa: Pra quê?
Quero dizer, se tudo está escrito, ele vai voltar pra mim...não é?
Não é só uma questão de tempo?

Mas e se não for destino?
Se for necessário que tu lute pela pessoa amada, que você vá atrás, que você prove ao mundo suas escolhas e à ele também.??

Ok.
E se você não acha mais que vale a pena fazer isso?


Nossa!
Em que acreditar?
Destinos e escolhas?

Engraçado como a vida prega peças. E muitas vezes são peças ótimas,
daquelas que valem a pena sentar na primeira fileira!
Num momento você está ali, triste, correndo atrás dos seus fiapos de esperança e fé, que algum vento espalhou desmedidamente pelas ruas da sua vida.
Depois, você faz cordas grossas, dessas de ancorar navio, com os mesmos fios de esperança que você delicadamente juntou do chão.
Tudo muda.
Tudo vira do avesso.


[Agora vejo vocÊ e não sinto mais nada. Nada além de carinho e consideração, amizade mesmo...
Coisa boa!Saber que levantei a cabeça e sai rumo a minha vida, sem deixar que tua lembrança se aproveitasse da minha fraqueza e me fizesse parar no tempo.
AH!! Me apaixonei por você...Com certeza. Tive um amor genuíno e carinhoso. Bondoso e altruísta. E sou imensamente feliz por ter vivido isso. Não mudaria um minuto da minha vida desde que você entrou...
Amar assim só faz bem. Amar assim nos enriquesce até.]



Mas falando sério...
Se é destino ou escolhas a gente nunca sabe.
A gente sabe é da verdade que habita dentro da gente.

(...)

Paciência.
Taí uma coisa que eu aprendi com a vida.
Seja pra se alcançar uma meta, seja pra curar um coração partido ou cicatrizar feridas da perda de alguém que você amou....A paciência é tudo.
Tempo?
Tempo também....
Mas a gente só vive os dias com paciência mesmo. Para que nossas escolhas possam escrever finalmente o nosso destino.

sexta-feira, 2 de maio de 2008

Verdades sobre mim!

Pode invadir ou chegar com delicadeza, mas não tão devagar que me faça dormir. Não grite comigo, tenho o péssimo hábito de revidar. Acordo pela manhã com ótimo humor mas ... permita que eu escove os dentes primeiro. Toque muito em mim, principalmente nos cabelos e minta sobre minha nocauteante beleza. Tenho vida própria, me faça sentir saudades, conte algumas coisas que me façam rir, mas não conte piadas e nem seja preconceituoso, não perca tempo, cultivando este tipo de herança de seus pais. Viaje antes de me conhecer, sofra antes de mim para reconhecer-me um porto, um albergue da juventude. Eu saio em conta, você não gastará muito comigo. Acredite nas verdades que digo e também nas mentiras, elas serão raras e sempre por uma boa causa. Respeite meu choro, me deixe sózinha, só volte quando eu chamar e, não me obedeça sempre que eu também gosto de ser contrariada. ( Então fique comigo quando eu chorar, combinado?).

Seja mais forte que eu e menos altruísta! Não se vista tão bem... gosto de camisa para fora da calça, gosto de braços, gosto de pernas e muito de pescoço. Reverenciarei tudo em você que estiver a meu gosto: boca, cabelos, os pelos do peito e um joelho esfolado, você tem que se esfolar as vezes, mesmo na sua idade. Leia, escolha seus próprios livros, releia-os. Odeie a vida doméstica e os agitos noturnos. Seja um pouco caseiro e um pouco da vida, não de boate que isto é coisa de gente triste. Não seja escravo da televisão, nem xiita contra. Nem escravo meu, nem filho meu, nem meu pai. Escolha um papel para você que ainda não tenha sido preenchido e o invente muitas vezes.

Me enlouqueça uma vez por mês mas, me faça uma louca boa, uma louca que ache graça em tudo que rime com louca: loba, boba, rouca, boca ... Goste de música e de sexo. goste de um esporte não muito banal. Não invente de querer muitos filhos, me carregar pra a missa, apresentar sua familia... isso a gente vê depois ... se calhar ... Deixa eu dirigir o seu carro, que você adora. Quero ver você nervoso, inquieto, olhe para outras mulheres, tenha amigos e digam muitas bobagens juntos. Não me conte seus segredos ... me faça massagem nas costas. Não fume, beba, chore, eleja algumas contravenções. Me rapte! Se nada disso funcionar ... experimente me amar!

Olha que massa isso!!

Nosso nosso cérebro é doido !!!




De aorcdo com uma peqsiusa de uma uinrvesriddae ignlsea, não ipomtra em qaul odrem as Lteras de uma plravaa etãso, a úncia csioa iprotmatne é que a piremria e útmlia Lteras etejasm no lgaur crteo. O rseto pdoe ser uma bçguana ttaol, que vcoê anida pdoe ler sem pobrlmea.
Itso é poqrue nós não lmeos cdaa Ltera isladoa, mas a plravaa cmoo um tdoo.


Sohw de bloa.





Fixe seus olhos no texto abaixo e deixe que a sua mente leia corretamente o que está escrito.



35T3 P3QU3N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR3551ON4ANT35! R3P4R3 N155O! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓD1GO QU453 4UTOM4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5!

terça-feira, 29 de abril de 2008

Repassando minha vida...

Hoje acordei assustada com meu celular tocando.
Notícias tristes pra variar.

Notícias que fazem desabar toda uma estrutura fixada ao longo de 24 anos.
Ok.O mundo não é perfeito.
Com o coração partido e meus pensamentos muito longe daqui, penso em te ligar.
Preciso ouvir a tua voz que me acalma.
Mas não podia fazer isso.
Simplesmente não podia fingir que ainda éramos uma entidade.

Desisto.
Não, vou tentar.
Ligo uma vez, duas...
Desisto definitivamente.

O que é o amor se não uma troca de sentimentos variáveis, que mudam, modificam-se, permutam, desviram-se, reagem, renunciam, entregam-se.....mudam....a todo instante?

Mutantes.
Farsantes.

Depois mais tarde ouvi tua voz. Me acalmei.
Não pode ser assim. Isso precisa acabar, precisa se desprender.
Mas não vai.

Porque ontem descobri algo que é o grande motivo da minha alegria.
Somos um amor cármico.Sim.
Daqueles escritos nas estrelas...
Você já esteve na minha vida e eu na sua.
Nada na vida é por acaso né?


[De repente por causa de um almoço, vc fica mexido...por causa de uma situação completamente impessoal, que vc podia ter compartilhado com qq colega...vc sente um frio na barriga. E depois, querendo ou não, fica sem jeito. Como criança que fez arte e não sabe se pode contar pra mãe.

Não sabe se olha nos olhos, se coloca a mão sobre a perna ou sobre a minha mão. Começa a se sentir sem graça, pois não sabe se canta, se ri, ou se finge tocar bateria no vidro da janela.
- "Mas calma lá. Eu estava morrendo de fome há minutos atrás, mas foi te ver que a fome passou..."

Não terá sido assim?

Eu? Estava normal. Nem um batimento a mais nem a menos. Só uma vontade de te segurar um pouco mais no meu carro pra te ter mais perto e sentir teu cheirinho...
Não queria que tu fosse embora, e estava decidida a te segurar pela mão. Mas você foi se despedir e me deu um beijo tão gostoso na buchecha que não consegui mexer nem um pedacinho de mim, só pra não perder aquele toque...]


Falar de amor é sempre algo impossivel...
Só que sempre tentamos falar de algo que jamais poderá ser traduzido em palavras, porque a lingua do coração só pode ser entendida pelo coração que é gêmeo ao nosso.

E você é o par do meu.
Sem tirar nem por.

De qq forma, mesmo tendo acordada com notícias tristes e celular tocando, a sua mensagem coloriu meu dia.
Esteja certo disso.

Equalize

Hoje ouvi uma música que é exatamente o que eu to sentindo...
Resolvi postar aqui!

Às vezes se eu me distraio, se eu não me vigio um instante...
Me transporto pra perto de você.
Já vi que não posso ficar tão solta,
Me vem logo aquele cheiro...que passa de você pra mim...
Num fluxo perfeito.
E enquanto você conversa e me beija, ao mesmo tempo eu vejo,
As suas cores no seu olho tão de perto.
Me balanço devagar, como quando você me embala...
O ritmo rola fácil, parece que foi ensaiado...
E eu acho que eu gosto mesmo de você...bem do jeito que você é...

Eu vou equalizar você,
Numa freqüência que só a gente sabe.
Eu te transformei nessa canção,
Pra poder te gravar em mim...

Adoro essa sua cara de sono, e o timbre da sua voz,
Que fica me dizendo coisas tão malucas.
E que quase me mata de rir, quando tenta me convencer;
Que eu só fiquei aqui, porque nós dois somos iguais.
Até parece que você já tinha, o meu manual de instruções,
Porque você decifra os meus sonhos...
Porque você sabe o que eu gosto, e porque quando você me abraça...
O mundo gira devagar!!!!
E o tempo é só meu, o único que registra a cena...
De repente vira um filme todo em câmera lenta...
E eu acho que gosto mesmo de você...bem do jeito que você é...

Eu vou equalizar você,
Em uma freqüência que só a gente sabe.
Eu te transformei nessa canção,
Pra poder te gravar em mim...

segunda-feira, 28 de abril de 2008

Mais uma vez...

Música que eu acho linda!!!


Inspiração dos meus sonhos
Não quero acordar,
Quero ficar só contigo, não vou poder voar

Por que parar pra refletir se o meu reflexo é você
Aprendendo uma só vida
Compartilhando o prazer,
Porque parece que na hora eu não vou aguentar,
Se eu semre tive força e nunca parei de lutar

Como num filme no final tudo vai dar certo
Quem foi que disse que pra tá junto precisa tá perto?

Pense em mim, que eu tô pensando em você
E me diz, o que eu quero te dizer
Vem pra cá, pra eu ver que juntos estamos
E te falar mais uma vez que te amo

O tempo que passamos juntos vai ficar pra sempre
Intimidade, brincadeira, só a gente entende
Pra quem fala que namorar é perder tempo eu digo:
Há muito tempo não cresci o que eu cresci contigo

Juntos no balanço da rede sob o céu estrelado
Sempre acontece, o tempo para quando eu tô do seu lado
A noite chega eu fehco os olhos, é você quem eu vejo
Como eu queria estar contigo, eu paro e faço um desejo

(Pense em mim, que eu tô pensando em você
E me diz, o que eu quero te dizer
Vem pra cá, pra eu ver que juntos estamos
E te falar mais uma vez que te amo) 2x


(Pense em mim, que eu tô pensando em você
E me diz, o que eu quero te dizer
Vem pra cá, pra eu ver que juntos estamos
E te falar mais uma vez que te amo) 2x

Mais uma vez que te amo

domingo, 27 de abril de 2008

Pra descontrair....

Sempre morro de rir com essa piada...
Vai dizer que não é bem assim?


Como saber se o mundo mudou?
Simples: você sabe que o mundo mudou quando:
- o melhor rapper é branco,
- o melhor golfista é negro,
- a pessoa mais popular é uma lacraia,
- o guaraná Antarctica vende mais no México que Coca-Cola,
- a França acusa os EUA de arrogância e
- a Alemanha não quer a guerra ...
Agora, se o Rubinho for campeão e o Lula falar inglês, corra....... é o Apocalipse...

Mais do que imaginei

Quis enganar meu coração
Mas foi em vão, a verdade vem e não dá
E eu só penso em te encontrar

Eu quero o teu amor

Se eu disser que perdi a direção
Se eu disser que machuquei meu coração
Quando eu disse não
Tudo que eu vejo só lembra você
E é impossível te esquecer

Por isso, vem amor

De tudo que vivi você foi mais
Do que eu imaginei ser capaz

Se eu tiver todo o teu calor outra vez aqui
Olhe bem para os meus olhos
Pra sentir, quanto eu sofri

Hoje eu sei que preciso de você
E não dá pra imaginar te perder

Eu amo o teu amor

De tudo que vivi você foi mais
Do que eu imaginei ser capaz

sábado, 26 de abril de 2008

As mulheres

As Melhores Mulheres "Pertencem Aos Homens Mais
Atrevidos "

Mulheres são como maçãs em árvores. As
melhores estão no topo. Os homens não querem alcançar
essas boas, porque eles têm medo de cair e se
machucar. Preferem pegar as maçãs podres que ficam no
chão, que não são boas como as do topo, mas são fáceis
de se conseguir. Assim as maçãs no topo pensam que
algo está errado com elas, quando na verdade, ELES estão errados...
Elas têm que esperar um pouco para o homem certo
chegar, aquele que é valente o bastante para escalar
até o topo da árvore. (Machado de Assis)

domingo, 20 de abril de 2008

Soneto da Separação


Soneto da Separação
(Tom Jobim e Vinícius de Moraes)


De repente do riso fez-se o pranto
Silencioso e branco como a bruma
E das bocas unidas fez-se a espuma
E das mãos espalmadas fez-se o espanto

De repente da calma fez-se o vento
Que dos olhos desfez a última chama
E da paixão fez-se o pressentimento
E do momento imóvel fez-se o drama

De repente, não mais que de repente
Fez-se de triste o que se fez amante
E de sozinho o que se fez contente

Fez-se do amigo próximo o distante
Fez-se da vida uma aventura errante
De repente, não mais que de repente



Está doendo muito, como se uma parte de mim tivesse sido arrancada de forma bruta. Queria entender...queria parar de chorar.
Mas sei que vou conseguir e vc se tornará só uma vaga lembrança...de bons momentos.

Com o tempo

Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar a alma.

E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança.

E começa a aprender que beijos não são contratos e nem promessas.E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo.E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam...

E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso.

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que leva-se um certo tempo para construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida.

Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias.E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem da vida.E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que amigos mudam.Percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa; ou nada; e terem bons momentos juntos.

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa...Por isso devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas; pode ser a última vez que as vejamos.

Aprende que as circunstâncias e os ambientes têm influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos.
Começa a aprender que não deve comparar-se com os outros, mas com o melhor que pode ser.

Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.
Aprende que não importa onde já chegou, mas onde se está indo, porém se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve.

Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados...

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências.
Aprende que paciência requer muita prática e descobre que algumas vezes, a pessoa que você espera que o chute quando você o cai, é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas, do que com quantos aniversários você celebrou.Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.
Aprende que nunca se deve dizer à uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.
Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel.

Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame,não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar a si mesmo.
Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.
Aprende que o tempo não é algo que possa se voltar atrás. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.

E você aprende que realmente pode suportar...Que realmente é forte e que pode ir muito mais longe...
Depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida.

segunda-feira, 7 de abril de 2008

Música

Dave Matthews Band - Crush


Crazy how it feels tonight
Crazy how you make it all alright love
Crush me with the things you do
And I do for you anything too
Sitting smoking feeling high
In this moment it feels so right
Lovely lady
I am at your feet
God I want you so badly
I wonder this
Could tomorrow be
So wondrous as you there sleeping
Let's go drive 'till morning comes
Watch the sunrise to fill our souls up
Drink some wine 'till we get drunk
It's crazy I'm thinking
Just knowing that the world is round
And here I'm dancing on the ground
Am I right side up or upside down
And is this real or am I dreaming
Lovely lady
Let me drink you please
I won't spill a drop I promise you
Lying under this spell you cast on me
Each moment
The more I love you
Crush me
Come on
It's crazy I'm thinking
Just knowing that the world is round
Here I'm dancing on the ground
Am I right side up or upside down
Is it real or am I dreaming

Lovely lady
I will treat you sweetly
Adore you I mean you crush me
It's times like these
When my faith I feel
And I know how I love you
Come on
Come on
Baby
It's crazy I'm thinking
Just as long as you're around
And here I'll be dancing on the ground
Am I right side up or upside down
To each other we'll be facing
By love
By love we'll beat back the pain we've found
You know
I mean to tell you all the things I've been thinking deep inside
My friend
With each moment the more I love you
Crush me
Come on
Baby
So much you have given love
That I would give you back again and again
Meaning I'll hold you
But please please let me always....

quarta-feira, 26 de março de 2008

Ter ou não ter namorado


Ter ou não ter namorado

(Artur da Távola)

*Obs.: Este texto, frequentemente, tem sido atribuído a Carlos Drummond de Andrade. Mas, de fato, é de Artur da Távola. Foi publicado no livro: "Amor a sim mesmo" (sic) - (coletânea de crônicas de Távola), Ed. Círculo do Livro, por cortesia da Ed. Nova Fronteira S.A. copyright - © 1.984 Paulo Alberto M. Monteiro de Barros (nome real de Artur da Távola).


Quem não tem namorado é alguém que tirou férias não remuneradas de si mesmo.
Namorado é a mais difícil das conquistas.
Difícil porque namorado de verdade é muito raro. Necessita de adivinhação, de pele, saliva, lágrima, nuvem, quindim, brisa ou filosofia. Paquera, gabiru, flerte, caso, transa, envolvimento, até paixão, é fácil.

Mas namorado, mesmo, é muito difícil. Namorado não precisa ser o mais bonito, mas ser aquele a quem se quer proteger e quando se chega ao lado dele a gente treme, sua frio e quase desmaia pedindo proteção. A proteção não precisa ser parruda, decidida; ou bandoleira basta um olhar de compreensão ou mesmo de aflição.

Quem não tem namorado é quem não tem amor é quem não sabe o gosto de namorar. Há quem não sabe o gosto de namorar. Se você tem três pretendentes, dois paqueras, um envolvimento e dois amantes; mesmo assim pode não ter nenhum namorado.
Não tem namorado quem não sabe o gosto de chuva, cinema sessão das duas, medo do pai, sanduíche de padaria ou drible no trabalho.

Não tem namorado quem transa sem carinho, quem se acaricia sem vontade de virar sorvete ou lagartixa e quem ama sem alegria.
Não tem namorado quem faz pacto de amor apenas com a infelicidade. Namorar é fazer pactos com a felicidade ainda que rápida, escondida, fugidia ou impossível de durar.

Não tem namorado quem não sabe o valor de mãos dadas; de carinho escondido na hora em que passa o filme; de flor catada no muro e entregue de repente; de poesia de Fernando Pessoa, Vinícius de Moraes ou Chico Buarque lida bem devagar; de gargalhada quando fala junto ou descobre meia rasgada; de ânsia enorme de viajar junto para a Escócia ou mesmo de metrô, bonde, nuvem, cavalo alado, tapete mágico ou foguete interplanetário.

Não tem namorado quem não gosta de dormir agarrado, de fazer cesta abraçado, fazer compra junto.
Não tem namorado quem não gosta de falar do próprio amor, nem de ficar horas e horas olhando o mistério do outro dentro dos olhos dele, abobalhados de alegria pela lucidez do amor.

Não tem namorado quem não redescobre a criança própria e a do amado e sai com ela para parques, fliperamas, beira - d'água, show do Milton Nascimento, bosques enluarados, ruas de sonhos ou musical da Metro.

Não tem namorado quem não tem música secreta com ele, quem não dedica livros, quem não recorta artigos; quem gosta sem curtir; quem curte sem aprofundar.
Não tem namorado quem nunca sentiu o gosto de ser lembrado de repente no fim de semana, na madrugada, ou meio-dia do dia de sol em plena praia cheia de rivais.
Não tem namorado quem ama sem se dedicar; quem namora sem brincar; quem vive cheio de obrigações; quem faz sexo sem esperar o outro ir junto com ele.

Não tem namorado quem confunde solidão com ficar sozinho e em paz.
Não tem namorado quem não fala sozinho, não ri de si mesmo e quem tem medo de ser afetivo.
Se você não tem namorado porque não descobriu que o amor é alegre e você vive pesando duzentos quilos de grilos e medos, ponha a saia mais leve, aquela de chita e passeie de mãos dadas com o ar. Enfeite-se com margaridas e ternuras e escove a alma com leves fricções de esperança. De alma escovada e coração estouvado, saia do quintal de si mesmo e descubra o próprio jardim.

Acorde com gosto de caqui e sorria lírios para quem passe debaixo de sua janela. Ponha intenções de quermesse em seus olhos e beba licor de contos de fada. Ande como se o chão estivesse repleto de sons de flauta e do céu descesse uma névoa de borboletas, cada qual trazendo uma pérola falante a dizer frases sutis e palavras de galanteria.
Se você não tem namorado é porque ainda não enlouqueceu aquele pouquinho necessário a fazer a vida parar e de repente parecer que faz sentido. ENLOU-CRESÇA.
Já escondi um amor com medo de perdê-lo,
Já perdi um amor por escondê-lo...
Já segurei nas mãos de alguém por estar com medo,
Já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida,
Já me arrependi por isso...
Já passei noites chorando até pegar no sono,
Já fui dormir tão feliz,
Ao ponto de nem conseguir fechar os olhos...
Já acreditei em amores perfeitos,
Já descobri que eles não existem...
Já amei pessoas que me decepcionaram,
Já decepcionei pessoas que me amaram...
Já passei horas na frente do espelho
Tentando descobrir quem sou,
Já tive tanta certeza de mim,
Ao ponto de querer sumir...
Já menti e me arrependi depois,
Já falei a verdade
E também me arrependi...
Já fingi não dar importância a pessoas que amava,
Para mais tarde chorar quieto em meu canto...
Já sorri chorando lágrimas de tristeza,
Já chorei de tanto rir...
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena,
Já deixei de acreditar nas que realmente valiam...
Já tive crises de riso quando não podia...
Já senti muita falta de alguém,
Mas nunca lhe disse...
Já gritei quando deveria calar,
Já calei quando deveria gritar...
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns,
Outras vezes falei o que não pensava para magoar outros...
Já fingi ser o que não sou para agradar uns,
Já fingi ser o que não sou para desagradar outros...
Já contei piadas e mais piadas sem graça,
Apenas para ver um amigo mais feliz...
Já inventei histórias de final feliz
Para dar esperança a quem precisava...
Já sonhei demais,
Ao ponto de confundir com a realidade...
Já tive medo do escuro,
Hoje no escuro "me acho..me agacho..fico ali"...
Já caí inúmeras vezes
Achando que não iria me reerguer,
Já me reergui inúmeras vezes
Achando que não cairia mais...
Já liguei para quem não queria
Apenas para não ligar para quem realmente queria...

Já corri atrás de um carro,
Por ele levar alguém que eu amava embora.
Já chamei pela mamãe no meio da noite
Fugindo de um pesadelo,
Mas ela não apareceu
E foi um pesadelo maior ainda...
Já chamei pessoas próximas de "amigo"
E descobri que não eram;
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada
E sempre foram e serão especiais para mim...
Não me dêem fórmulas certas,
Porque eu não espero acertar sempre...
Não me mostre o que esperam de mim,
Porque vou seguir meu coração!...
Não me façam ser o que eu não sou,
Não me convidem a ser igual,
Porque sinceramente sou diferente!...
Não sei amar pela metade,
Não sei viver de mentiras,
Não sei voar com os pés no chão...
Sou sempre eu mesma,
Mas com certeza não serei a mesma para sempre.

segunda-feira, 24 de março de 2008

Sorte de Hoje

Engraçado o que me aconteceu agora a pouco.

Como muitos mortais eu tenho orkut.
E todo dia tem aqueles recadinhos místicos SORTE DE HOJE...do tipo, "seja forte", "ame seus amigos", ou "tenha cuidado que hj pode cair um piano na sua cabeça"!

Pra mim, hoje estava escrito o seguinte:
"Sorte de hoje: Seu maior sonho vai se realizar"

Achei bacana ler essas palavras.
Bah!! Fiquei feliz...meu maior sonho pode vir a se realizar.!!
Mesmo que seja uma grandessíssima besteira, e realmente é, ler essas palavras nos faz pensar, ou dar risada, ou mesmo tentar imaginar o que podemos fazer para que aquilo ocorra.
Pra mim hj, me fez pensar.
E me fez pensar em algo que eu nunca pensei. E pior, em algo que eu não sei responder.

Que engraçado.
A minha sorte de hj, me fez perceber que eu não faço a mínima idéia de qual seja meu maior sonho.

Daí me pus a pensar:
(...)
Ter um bom emprego e ser estável economicamente? Já estou realizando. Apaixonada pelo meu trabalho, cada mês é uma conquista dentro da minha independência financeira e relização profissional.
Não que eu não almeje mais, mas tenho que aceitar que já estou em vias de realizar ou manter esse sonho ativo...

Encontrar um amor? Estou conhecendo (e tentando) ele. Ou posso dizer que já encontrei alguém sufucientemente especial para colorir meus dias. Como diz no meu próprio orkut...Minha pessoa ideal. Bom, estar namorando já é um indício de q esteja vivendo algo semelhante ao amor. Ou vivendo o próprio amor. Pq não?
Amor existe de várias formas e me basta saber que estou muito feliz, Obrigada!
Não que eu não almeje mais, mas estou trilhando esse caminho aos poucos...

Casar e ter filhos?? Grande sonho! Mas hei de convir que não dá pra realizar isso em 24h. E embora esteja conhecendo um amor em potencial, vamos com calma! Casar e construir família requer muito mais do que sonhar ou almejar... Requer renúncias das quais ainda nem parei pra pesar na minha balancinha interna. Todos precisam de um tempo pra respirar, assim como meu coração!
E depois, na minha cabeça, esse sonho me pareceu pouco complexo.
Não que sonhos, grandes sonhos, sejam simples. Mas a instituição do casamento e da família não acontece assim numa manhã de segunda feira.
Não! Definitivamente não.

Vamos ver o que mais...
Comprar uma casa??
Podia ser!
Mas como?
Não estou concorrendo a nada, nem apostei na sena... Acho difícil que alguém me pare na rua e me ofereça uma casa de presente...
Não.

Mas que assunto besta esse hein?
Pensando bem...
Sempre acreditei que todos os meus sonhos vão se realizar, então pq me importar qual deles será?
Pq se preocupar se ele vai acontecer numa segunda feira ou num dia de outono qualquer?

Será que sonho pouco, ou será que não tenho tantos sonhos assim.?
Ou ainda...será que estou tão ignorante dos meus desejos perante a vida?
Ou será que pouco me importa o que isso quer dizer?
Sonhos acontecem todos os dias, sonhos se realizam todas as manhãs....

Assim como os milagres.

Acordar todos os dias e me deparar com a vida incrível que eu tenho é um bom sonho.

E pouco importa que eu não saiba qual deles é.
se são muitos ou poucos.
Pouco importa.
Os alcançarei.
Com ou sem orkut.

Papo besta esse.